"
Apoiado por

Mete variáveis dentro de textos standard

Textos standard toda a gente usa. Mas sabias que os textos standard podem ter campos dinâmicos lá pelo meio? A SAP chama-lhes “símbolos de texto”. A forma de o conseguir é igual à dos velhos formulários da nefasta SE71, ou seja, envolvendo-os com o símbolo &. Assim: &KNA1-NAME1&. Dá um jeitão. Vou mostrar-te como se faz.

Primeiro tens de definir o texto na SO10. Escolhe um ID (que representa um grupo de textos), depois um nome único para o nosso texto e finalmente a língua em que o vais definir:

A seguir define o texto:

so10b

Agora que tens o texto definido, podes obtê-lo em qualquer lado utilizado a função READ_TEXT. O resultado desta função é uma tabela interna com as linhas do texto:

Como vês, ainda lá estão os campos dinâmicos por substituir. Até aqui, tudo banal. Agora é que vem o truque. Para isto vamos usar duas funções: TEXT_SYMBOL_SETVALUE e TEXT_SYMBOL_REPLACE. A primeira deve ser invocada uma vez por cada símbolo de texto para substituir individualmente cada um deles pelo valor desejado. Esta limita-se a preparar em memória essas alterações. Para as efectivar é necessário invocar a segunda. Tudo junto fica assim:


DATA: w_thead TYPE thead,
           t_tline TYPE STANDARD TABLE OF tline.

    CALL FUNCTION 'READ_TEXT'
      EXPORTING
        id                      = 'ZZST'
        language                = 'P'
        name                    = 'ABAPINHO'
        object                  = 'TEXT'
      IMPORTING
        header                  = w_thead
      TABLES
        lines                   = t_tline
      EXCEPTIONS
        id                      = 1
        language                = 2
        name                    = 3
        not_found               = 4
        object                  = 5
        reference_check         = 6
        wrong_access_to_archive = 7
        OTHERS                  = 8.
   CHECK sy-subrc = 0.

*     Substitui valor da encomenda
        CALL FUNCTION 'TEXT_SYMBOL_SETVALUE'
          EXPORTING
            name  = '&VBAK-NETWR&'
            value = w_vbak-netwr.

*      Substitui moeda da encomenda
        CALL FUNCTION 'TEXT_SYMBOL_SETVALUE'
          EXPORTING
            name  = '&VBAK-WAERK&'
            value = w_vbak-waerk.

        CALL FUNCTION 'TEXT_SYMBOL_REPLACE'
          EXPORTING
            header = w_thead
          TABLES
            lines  = t_tline.

Se olhares agora para as linhas vais ver que os símbolos foram substituídos pelos valores desejados.

A carta pode seguir para fazer mais uma mãe e um filho felizes.

O Abapinho saúda-vos.

4 comentários a “Mete variáveis dentro de textos standard”

  1. Fernando Diz:

    Como faço para imprimir este texto que foi alterado?

  2. admin Diz:

    Para imprimir onde? Se for para o ecrã podes fazer WRITE do T_TLINE :)

  3. name Diz:

    I think the second screenshot is not the right one.

  4. Nuno Godinho Diz:

    Thanks, I have corrected it.

Deixe um comentário


Acerca do Abapinho
O Abapinho é suportado pelo WordPress
Artigos (RSS) e Comentários (RSS).