Tag > ddic
Supported by
Supported by Inetum

Dot and comma or comma and dot?

images/thumbnail.jpg - Thumbnail
Some numbers have dots, some numbers have commas and some numbers have dots and commas. The problem is that there are also numbers that have commas and dots. The thing is, there are commas that are dots and dots that are commas, depending on where you are from, in other words, depending on user’s configurations. When importing a file with decimal numbers, these numbers’ alpha-numeric fields must be converted into numeric fields.

Client or Customer?

images/thumbnail.jpg - Thumbnail
Wherever you use the data element KUNNR, its descriptions is “Client”. And what if we wanted to change this field description from “Client” to “Customer”? “Customer" is so much nicer! Or let’s suppose that the company you work for is trafficking in drugs and tells you that they want “Dealer” rather than “Supplier” to appear in the LIFNR field. Obviously we can label it as we wish on screens and Z reports but what about standard transactions?

<!--:pt-->Como encavalitar tabelas<!--:-->

images/thumbnail.jpg - Thumbnail
Às vezes temos de criar uma tabela Z. Às vezes temos até de criar várias tabelas Z. Às vezes estas tabelas estão relacionadas de alguma forma. Como quando uma contém dados de cabeçalho e a outra dados de item, por exemplo. Ora se estão relacionadas pode dar jeito que sejam editadas em conjunto. É para isso que servem os Clusters de Visão (view cluster).

<!--:pt-->As estruturas PRE-a-porter<!--:-->

images/thumbnail.jpg - Thumbnail
Quantas vezes não é necessária uma pequena estrutura para guardar, por exemplo, uma lista que relacione materiais e centros. Mas perder tempo a inventar a roda é sempre de evitar. No reino do MM há uma pequena família de estruturas que uso amiúde: são elas as PRE*, uma série de estruturas que vai desde a PRE01 à PRE50, com uns saltos pelo meio. Embora sejam, na sua maioria, específicas demais para servirem algum propósito, há algumas úteis.