"
Apoiado por

Vantagens do LIKE LINE OF

Partamos do princípio de que és uma pessoa com alguma dignidade e que por isso já não usas tabelas internas com HEADER LINE ;)

Posto isto, imaginemos que declaras uma tabela interna:


DATA: T_KNA1 TYPE STANDARD TABLE OF KNA1.

Se quiseres ler os dados de T_KNA1 recorrendo a um LOOP ou a um READ TABLE, precisas de guardar o registo lido numa estrutura ou num FIELD-SYMBOL. Escolhamos uma estrutura.

Tradicionalmente declará-lo-ias assim:


DATA: S_KNA1 TYPE KNA1.

Mas a minha sugestão é que o declares antes assim:


DATA: S_KNA1 LIKE LINE OF T_KNA1.

Esta forma tem duas vantagens:

  • Se o tipo do registo mudar só tens de o actualizar num lugar;
  • Fica mais claro que S_KNA1 está relacionada com T_KNA1.

Obrigado thienzieyung pela foto.

O Abapinho saúda-vos.

Deixe um comentário


Acerca do Abapinho
O Abapinho é suportado pelo WordPress
Artigos (RSS) e Comentários (RSS).