"
Apoiado por

SAT – A nova ferramenta de análise de execução

Desde pequenino que uso a transacção SE30 para duas coisas diferentes:

  • Analisar um programa que desconheço (normalmente standard) para saber que funções usa, que BADIs disponibiliza, etc;
  • Analisar um programa meu em busca de problemas de performance.

A verdade, nua e crua, é que a transacção SE30 é uma porcaria pegada. Extremamente limitada e inflexível, não dá jeito nenhum para qualquer análise mais complexa.

Aparentemente os senhores da SAP concordam e resolveram substitui-la pela fantástica nova ferramenta SAT – ABAP Runtime Analysis, em tudo mais sofisticada. Pode ser acedida, como seria de esperar, através da transacção SAT.

Se ainda não existir no teu sistema, terás de esperar por um upgrade. Se já existir, boas investigações.

Aqui está um conjunto de screencasts da SAP a ensinar a usar a nova SAT.

O Abapinho saúda-vos.

Um comentário a “SAT – A nova ferramenta de análise de execução”

  1. Bruno Filipa Diz:

    Boas,

    Não fazia ideia de que isto existia e sem dúvida que era uma necessidade… Vi por alto e parece ter muito melhor aspecto do que a SE30.

    Vou ver o screencast com atenção para avaliar melhor, mas sem dúvida que parece ser uma óptima dica!

    Muito obrigado!

    Abraço,
    Bruno

Deixe um comentário


Acerca do Abapinho
O Abapinho é suportado pelo WordPress
Artigos (RSS) e Comentários (RSS).